Workshop de Captação de Recursos reúne mais de 30 representantes de órgãos e entidades da região

No último dia 11, o Sebrae Minas promoveu o Workshop de Captação de Recursos, com apoio do Grupo de Trabalho Desenvolvimento e Inovação na Mata Mineira (GDI-Mata). A ação teve como objetivos instrumentalizar os participantes com noções básicas na construção de projetos focados na captação de recursos e estimular a permanente busca de informações a respeito de fontes de recursos, que possam contribuir para promover o desenvolvimento da região.

Reuniram-se na sede do Sebrae Minas, em Juiz de Fora, 31 representantes de entidades que compõem o GDI-Mata, tais como o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais (IF Sudeste MG); o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac); a Prefeitura de Juiz de Fora (PJF), inclusive com colaboradores da Fundação Cultural Alfredo Ferreira Lage (Funalfa); o Juiz de Fora e Região Convention & Visitors Bureau; e a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), também com colaboradores do Centro Regional de Inovação e Transferência de Tecnologia (Critt).

Durante a capacitação, foram abordados conteúdos como: contexto da captação de recursos no Brasil; conceitos e aplicações sobre captação de recursos; interpretação, leitura de editais e noções básicas sobre a construção de projetos focados na captação de recursos; Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (Siconv); e captação de recursos para promoção do desenvolvimento da região.

Para a gerente do Departamento de Trabalho, Emprego e Renda da PJF, Leila Cristina Abrahão, a capacitação foi uma oportunidade de integração dos diversos agentes da economia local, como poder público, setor produtivo e instituições de ensino e pesquisa, que potencializa a mobilização de recursos e a construção de ações conjuntas para o desenvolvimento de Juiz de Fora e região. “Foi possível ampliar a possibilidade de um novo olhar, direcionado para o que já existe, como fonte de recursos e para as oportunidades, a partir do compartilhamento de conhecimento e objetivos de cada setor, visando melhores e maiores resultados para o ecossistema empreendedor”.

O workshop foi ministrado por Nilson Borges, consultor credenciado do Sebrae Minas nas áreas de desenvolvimento territorial, legislação aplicada às micro e pequenas empresas e agronegócio. Nilson é instrutor em treinamentos, palestras, seminários e workshops nas diversas áreas administrativas para empresas de direito público e privado. Autor da metodologia Veoma (baseada em processos de qualidade e excelência administrativa), foi coordenador do Comitê Temático de Acesso a Mercados no Fórum Permanente Mineiro das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Fopemimpe) estadual.

 

Este material foi produzido pelo Sebrae Minas e reproduzido com contribuições do Núcleo de Comunicação do GDI-Mata.

Cidades da Zona da Mata recebem Semana do Microempreendedor Individual em maio

Na primeira quinzena de maio, o Sebrae Minas realiza a Semana do MEI em nove cidades da regional Zona da Mata e Vertentes. A ação tem como objetivo proporcionar atendimentos e capacitações ao microempreendedores individuais da região. As atividades gratuitas incluem oficinas, palestras, atendimentos sobre gestão financeira, orientações sobre direitos e obrigações que o MEI possui (legislação, pagamento do DAS, realização da Declaração Anual de Faturamento, etc.), além de formalização para quem deseja se tornar MEI.

As atividades ocorrem em Juiz de Fora (9 a 12/05), Carandaí (8 e 9/05), São João del-Rei (08 a 12/05), Muriaé (9 e 10/05), Cataguases (8 a 11/05), Ubá (8 e 9/05),Ponte Nova (8 a 10/05), Manhuaçu (9 a 11/05) e Viçosa (8 a 10/05).

 

MEI em Minas

O Brasil já soma cerca de 7 milhões de Microempreendedores Individuais (MEI). Minas Gerais continua sendo o terceiro estado com maior número de formalizações, 770 mil até março de 2017. Dessas formalizações, aproximadamente 47% foram feitas por mulheres e 21% dos que viraram MEI eram empreendedores com mais de 51 anos. Além disso, dos formalizados no estado, 1.135 eram estrangeiros, sendo o maior número de portugueses, chineses e argentinos.

A região da Zona da Mata e Vertentes representa uma parcela representativa deste total e alcança o 2º lugar na lista de Minas Gerais, com mais de 92 mil MEIs ou 12,05% do total do estado. A região Centro é a que registra o maior número, com 288.771 de MEIs cadastrados. Em relação aos municípios, Juiz de Fora alcança o 4º lugar no estado e o 1º na região, com um total de 22.432 MEIs formalizados. Em seguida aparecem Barbacena  (4.236), Muriaé (3.868) e São Joao del-Rei (3.312) em 2º, 3º e 4º lugares na lista da região.

 

Programação Juiz de Fora

Local: Sebrae Minas (Rua Olegário Maciel, 436 – Santa Helena)

Inscrições e informações: (32) 3257-4708 / 4709 / 4712 / 0800 570 0800

 

09/05

14h às 16h: Palestra Melhore suas vendas com criatividade – foco para a feira de artesanato

14h às 16h: Lançamento do Projeto Adotando um MEI pelas empresas juniores de Juiz de Fora

16h às 18h: Palestra Como fazer a Declaração do MEI (DASN) e realização da declaração para os participantes

16h às 18h: Palestra Como emitir a nota fiscal de produtos (passo a passo)

16h às 17h30: Consultoria individual em marketing

18h30 às 20h30: Palestra Linhas de crédito do Banco do Brasil

18h30 às 20h30: Palestra Internet e suas oportunidades de negócio

 

10/05

9h às 10h30: Palestra Como fazer a Declaração do MEI (DASN) e realização da declaração para os participantes

9h às 10h30: Palestra Linhas de crédito da Caixa Econômica Federal

10h30 às 12h: Palestra Exigência da Vigilância Sanitária para o setor de alimentação

10h30 às 12h: Palestra INSS para o MEI

14h às 16h: Palestra Linhas de crédito do Banco Bradesco

14h às 16h: Palestra Qualidade no atendimento ao cliente (fazendo a diferença)

16h às 17h30: Consultoria individual em marketing

16h às 18h: Palestra Como fazer a Declaração do MEI (DASN) e realização da declaração para os participantes

16h às 18h: Palestra Como emitir a nota fiscal de serviços (passo a passo)

18h30 às 20h30: Palestra Estratégia para encantar e reter clientes

18h30 às 20h30: Palestra Facebook para pequenos negócios

 

11/05

9h às 10h30: Palestra Como fazer a Declaração do MEI (DASN) e realização da declaração para os participantes

9h às 10h30: Palestra Linhas de crédito do Banco SICOOB

10h30 às 12h: Palestra Como contratar um funcionário (passo a passo)

10h30 às 12h: Palestra Facebook para pequenos negócios

14h às 16h: Palestra Linhas de crédito do Banco Itaú

14h às 16h: Palestra Internet e suas oportunidades de negócio

16h às 17h30: Consultoria individual em marketing

16h às 18h: Palestra Como fazer a Declaração do MEI (DASN) e realização da declaração para os participantes

16h às 18h: Palestra INSS para o MEI

18h30 às 20h30: Palestra Soluções dos Correios para sua empresa

18h30 às 20h30: Palestra Qualidade no atendimento ao cliente (fazendo a diferença)

 

12/05

9h às 10h30: Palestra Como fazer a Declaração do MEI (DASN) e realização da declaração para os participantes

9h às 10h30: Palestra Linhas de crédito do Banco Santander

10h30 às 12h: Palestra Inovação e tecnologia (Como o Sebrae pode ajudar, por meio do Sebraetec)

10h30 às 12h: Palestra Internet e suas oportunidades de negócio

14h às 16h: Palestra Como fazer a Declaração do MEI (DASN) e realização da declaração para os participantes

14h às 16h: Palestra Melhore suas vendas com criatividade (fazendo a diferença)

16h às 18h: Palestra Administre sua empresa para ser mais competitiva

16h às 18h: Oficina Como ser MEI na prática (com a formalização dos participantes aptos)

Este material foi produzido pela Agência Sebrae de Notícias e reproduzido com contribuições do Núcleo de Comunicação do GDI-Mata.

Sebrae Minas realiza encontro sobre o ambiente das micro e pequenas empresas

No dia 27 de março, o Sebrae Minas realiza, em Juiz de Fora, o evento Road Show – MPE e as políticas públicas para o desenvolvimento municipal, com o objetivo de trabalhar ações conjuntas com o poder público para a melhoria do ambiente das micro e pequenas empresas (MPE) na região. Em Minas, já são mais de 2 milhões de pequenos negócios, somando-se micro e pequenas empresas (MPE), microempreendedores individuais (MEI) e produtores rurais, que representam, respectivamente, 36%, 36% e 28% desse total. Os dados são do Portal do Empreendedor, do RAIS 2015 e do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) de 2015.

Segundo dados do Sebrae Minas, de fevereiro deste ano, na região da Zona da Mata e Vertentes já são mais de 90 mil MEIs formalizados. Em Juiz de Fora, esse número é de 22.050. Já as micro e pequenas empresas da Zona da Mata e Vertentes somam quase 100 mil, sendo que 24.269 delas são de Juiz de Fora, levando em consideração os setores de comércio (10.395), serviços (10.029), indústria (2.500) e construção civil (1.345). Os dados são do RAIS do Ministério do Trabalho e Emprego de 2015.

O Road Show é voltado para prefeitos, secretários de desenvolvimento ou administração, secretários de educação, assessores e agentes de desenvolvimento de todos os municípios das nove microrregiões participantes. De acordo com o analista do Sebrae Minas, Paulo Veríssimo, o intuito é apresentar aos gestores públicos as ações que podem ser desenvolvidas junto ao Sebrae, a fim de estimular as MPE e fomentar o empreendedorismo, para o desenvolvimento da região.

“Em vários municípios, houve renovação da administração. Nossa proposta é apresentar aos novos gestores e suas equipes as possibilidades de parceria com o Sebrae, com foco no desenvolvimento dos pequenos negócios, no empreendedorismo, nas compras públicas e na desburocratização, por exemplo. Para o município, é uma oportunidade de desenvolvimento de ações em benefício dos empreendedores e das MPE, que representam mais de 99% das empresas da região e do país”, destaca Paulo.

 

Outras informações: (32) 3257-4706 (Sebrae-MG) / juliana.mazzala@sebraemg.com.br

 

Fonte: Agência Sebrae de Notícias