Palestra mostra possibilidades para registro de Arranjos Produtivos Locais

 

Na última, sexta-feira (1), o Grupo de Trabalho, Desenvolvimento e Inovação (GDI-Mata), em uma ação conjunta com a Federação da Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) realizou uma palestra sobre os arranjos produtivos locais, com a palestrante Alice Machado, economista da Universidade Federal de MInas Gerias (UFMG).

 

No encontro, foi discutida a importância dos arranjos produtivos e como eles podem contribuir para o desenvolvimento da região, além de orientações sobre como deve ser o processo de formalização dos mesmos.

 

Alice durante a reunião mostrou que no entorno da região temos a presença de vários polos regionais e arranjos produtivos locais, tais como o da cerveja artesanal em Juiz de Fora, de fruticultura em Visconde do Rio Branco, de móveis em Ubá, de vestuário (lingerie) em muriaé e vestuário (jeans) em São João Nepomuceno. Ela contou quais são as etapas para o registro de um APL, que é a formalização do mesmo, com uso do case de sucesso do Vale do Aço.

 

Você pode conferir o material disponibilizado em nosso site e as fotos no nosso Flickr

Palestra sobre APLs

Ideas for Milk terá 10 finalistas no desafio de startups

Com a participação de startups das cinco regiões do país, num total de 83 projetos inscritos, o Ideas for Milk – Desafio de Startups entrou em sua última fase com a seleção das dez propostas finalistas. Os empreendedores são provenientes dos estados de Minas Gerais, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul e vão disputar o prêmio de R$20 mil oferecido à grande vencedora. Para isso, devem apresentar e defender o projeto, presencialmente, para uma banca composta por profissionais da cadeia produtiva do leite, de inovação e de tecnologia da informação e comunicação (TIC), na sede da Embrapa Gado de Leite, em Juiz de Fora (MG), no dia 9 de dezembro. Na oportunidade, serão avaliados critérios como impacto econômico, visão de futuro, barreiras de entrada, desenvolvimento e execução.

Para chegar às dez finalistas, a comissão, formada por 112 profissionais especializados em leite, modelos de negócio inovadores e TIC, avaliou a ficha de inscrição e o pitch enviados pelas startups participantes. Segundo os organizadores, as propostas revelaram um grande amadurecimento do cenário AgTech voltado ao agronegócio do leite, demonstrando o dinamismo crescente do setor.

A lista com as finalistas já está disponível no site: http://www.ideasformilk.com.br/desafio-startups/conteudo/final

 

Sobre o Ideas for Milk

O Ideas for Milk busca desenvolver soluções digitais para os diversos setores produtivos da cadeia do leite – a mais extensa do agronegócio, presente em 99% dos municípios brasileiros e que emprega 4 milhões de pessoas, movimentando um quarto do Produto Interno Bruto (PIB) do país. É uma competição nacional entre empreendedores que visa estimular ideias inovadoras de modelo de negócio, produto, processo ou serviço, baseadas em software web, aplicativo mobile e/ou solução em hardware, incluindo Internet das Coisas (IoT). As soluções devem promover a eficiência no setor lácteo. O sucesso da primeira edição, em 2016, chamou a atenção de investidores do Sillicon Valley (EUA) e do governo da Índia – maior produtor mundial de leite – interessados em acompanhar o processo brasileiro de inclusão do agronegócio do leite, na indústria 4.0. Proposto pela Embrapa Gado de Leite, o Ideas for Milk tem como parceiros a Carrusca Innovation, o Agripoint, o Qranio e a Kick Ventures.

Também integra o programa do Ideas for Milk o Vacathon, um inédito hackathon rural que será disputado na sede e na fazenda da Embrapa Gado de Leite, em Coronel Pacheco (MG), com a participação de quase 20 universidades brasileiras. A lista das equipes participantes está disponível em www.ideasformilk.com.br/vacathon/conteudo/universidades-e-embaixadores. A final do Vacathon será no dia 10 de dezembro.

 

Este material foi produzido pela Assessoria da Embrapa e reproduzido pelo Núcleo de Comunicação do GDI-Mata. 

Sebrae Minas promove Integração Negócios – os desafios do crescimento

Seminário de empreendedorismo visa apresentar novos temas e tendências em gestão para empresas públicas e privadas de JF e região

Em parceria com a Partner Produções, o Sebrae Minas realiza, no dia 29 de novembro, o Integração Negócios – os desafios do crescimento, evento que tem como objetivos promover a integração entre os diversos ecossistemas empreendedores de Juiz de Fora e região e o relacionamento entre profissionais e empresários, para gerar novos negócios. A ação ocorre no Gran Victory Hotel e as inscrições devem ser feitas online.

O Integração Negócios vai juntar empreendedorismo, inovação, desafio, integração, colaboração, encontros e conexões num mesmo ambiente. Durante o evento, serão realizados encontros que buscam reunir e desenvolver ações para os participantes interessados e envolvidos em alguns dos ecossistemas empreendedores de Juiz de Fora e região. Os encontros Mulher Empreendedora, Startup e Tecnologia, Empreendedorismo Social e Cerveja Especial ocorrem nas salas Ecossistemas Empreendedores.

O seminário foi pensado para apresentar informações sobre o cenário econômico nacional, bem como apontar oportunidades para os empresários que têm como desafio o crescimento do seu negócio. Na programação, palestras inspiradoras e interativas, com especialistas renomados nacionalmente.

Programação

13h: Credenciamento

14h às 15h15: Encontros Ecossistemas Empreendedores (Salas Empreendedoras)

15h30 às 16h15: Palestra O impacto da crise econômica nos negócios e os desafios do crescimento em cenários difíceis

16h15 às 17h: Palestra Como gerar impacto social no seu negócio

17h às 17h45: Palestra A grande virada

17h45 às 18h30: Debate com os palestrantes

18h30 às 19h: Break & business

19h às 19h45: Palestra Fermentando sonhos: do sonho do filho de um padeiro à sociedade com a maior empresa de bebidas do mundo

19h45 às 20h30: Palestra Inovação e futuro – sua empresa está preparada para o novo mundo?

20h30 às 21h15: Case Netshoes: dos fundos de um estacionamento a um e-commerce de R$ 1 bilhão

21h15 às 21h45: Debate com os palestrantes

21h45 às 23h: Happy beer & networking

Integração Negócios

Data: 29 de novembro de 2017

Local: Gran Victory Hotel (Av. Presidente Itamar Franco, 3800, Cascatinha)

Informações e inscrições: www.integracaonegociosjf.com.br

Este material foi produzido pela Agencia Sebrae de Notícias e reproduzido pelo Núcleo de Comunicação do GDI-Mata. 

Embrapa cria cursos de ensino à distância para pecuária de leite

A Embrapa Gado de Leite, uma das unidades da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, lançou a sua modalidade de ensino à distância (EAD). O E@D-Leite, como é chamado, já disponibiliza dois cursos realizados integralmente on lineSilagem de capim e Silagens de milho e sorgo. Um terceiro curso estará disponível a partir de primeiro de dezembro (Amostragem, coleta e transporte de leite).

Os cursos de silagens de capim e milho e sorgo têm carga horária de 30 e 40 horas, respectivamente. Ambos abordam os principais aspectos da produção de silagem como dimensionamento de silos, cálculo de produção da silagem, aditivos, avaliação e fornecimento do material ensilado etc. O curso de amostra, coleta e transporte de leite trata dos procedimentos necessários para garantir que a qualidade do leite obtida na propriedade chegue até a indústria.

A pesquisadora da Embrapa que coordena o E@D-Leite, Rosângela Zoccal, diz que os cursos são voltados principalmente para técnicos da extensão rural e produtores, mas que qualquer pessoa interessada na atividade pode participar. Segundo ela, o ensino à distância é uma realidade cada vez mais presente no meio rural. “A internet chegou ao campo e o produtor está cada vez mais conectado. Em Minas Gerais, por exemplo, 94% dos fazendeiros já possuem telefone celular”, diz Rosângela. Segundo a pesquisadora, a procura pelos cursos tem sido grande, mesmo sem que fosse feito qualquer trabalho de divulgação, além do site da instituição.

Outros três cursos devem estar disponíveis no próximo ano, um sobre qualidade do leite e dois relativos a melhoramento genético, abordando estruturação zootécnicas, raças leiteiras, técnicas de reprodução e escolha de reprodutores. Todos os cursos do E@D – Leite contam com pesquisadores da Embrapa entre os tutores, além de uma equipe de analistas para prestar suporte técnico. Cada curso fica no ar de 20 a 30 dias e as inscrições para novas turmas abrem cinco dias após o término.

Ao final do curso, desde que sejam cumpridas todas as etapas, o aluno recebe um certificado eletrônico. A taxa de inscrição para ter acesso às aulas é de R$ 29,00. Outras informações podem ser obtidas no site do E@D-Leite ou por e-mail nos endereços http://ead.cnpgl.embrapa.br  e cnpgl.ead@embrapa.br.< p/>

Rubens Neiva (MTb 5445 MG)
Embrapa Gado de Leite

Telefone: (32) 3322-7532

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

 

Este material foi produzido pela Embrapa e reproduzido pelo Núcleo de Comunicação do GDI-Mata. 

Juiz de Fora recebe Showroom da Beleza

Evento do Sebrae Minas inclui o Make Up Day e o curso Master Class, com o empresário Elias Torres, da barbearia Seu Elias, de BH

 

Nos dias 12 e 13 de novembro, o Sebrae Minas promove, em Juiz de Fora, o Showroom da Beleza – Zona da Mata, a maior feira de beleza da região. A ação será realizada no Gran Victory Hotel e a entrada é gratuita para os profissionais da área da beleza. A inscrição deve ser no feita site da Done Produtora.

 

No dia 12, domingo, ocorre o Make Up Day, com workshops com os maquiadores Pedro Moreira e Nath Capelo. Já no dia 13, é a vez do Master Class, com o empresário Elias Torres, da barbearia Seu Elias, de Belo Horizonte.  O curso é voltado para barbeiros e cabeleireiros do público masculino, que tem atraído profissionais de todo o país. Com duração de um dia, o Master Class inclui parte teórica, com dicas de empreendedorismo, estratégias e finanças; e parte prática, em que o profissional realiza cortes e faz barbas em modelos, ao vivo.

 

Entre os destaques do Showroom da Beleza estão cursos de maquiagem e penteados de noivas, tendências de cortes masculinos e barbas, microagulhamento no tratamento de estrias e rugas, técnicas e cuidados para cabelos afro e cacheados, maquiagem artística, tricologia e cronograma capilar, decoração artística de unhas, marketing digital e gestão administrativa para salões de beleza, além do 1º Concurso de Design de Sobrancelhas de JF e Região.

 

Um levantamento do Sebrae Minas, de setembro deste ano, mostra que as atividades de cabelereiros e de estética e outros serviços ligados à beleza têm crescido significativamente em todo o estado. Já são mais de 73 mil Microempreendedores Individuais (MEIs) formalizados como cabelereiros e mais de 18 mil registrados nas atividades de estética e outros serviços de cuidados com a beleza. Em setembro do ano passado, esses números eram, respectivamente, 61.925 e 16.072. Em Juiz de Fora, já são 2.694 e 905 MEIs formalizados nestes segmentos. No mesmo período do ano passado, esses números eram de 2.154 e 747, respectivamente. Ao todo, são 24.860 MEIs registrados no município, em todos os setores.

 

“O setor da beleza é um dos que mais cresce no país, por isso é fundamental que o empresário desse segmento invista na conquista de clientes e no aprimoramento da gestão. Tornar os espaços físicos mais atrativos, primar pela qualidade no atendimento e pela capacitação profissional e buscar parcerias com fornecedores são ações fundamentais para se destacar”, ressalta a analista do Sebrae Minas, Camila Villela.

 

Serviço

Data: 12 e 13 de novembro de 2017

Local: Gran Victory Hotel (Av. Presidente Itamar Franco, 3800 – Cascatinha)

Programação: http://www.doneprodutora.com.br/evento_interno/showroom-da-beleza-zona-da-mata/-59

Inscrições: www.doneprodutora.com.br/evento_interno/showroom-da-beleza-zona-da-mata/credenciamento-17

 

Este material foi produzido pela Agência Sebrae de Notícias e reproduzido pelo Núcleo de Comunicação do GDI-Mata. 

Tiradentes recebe II Fórum do Amanhã

Sebrae Minas promove discussões e capacitações em evento que dá visibilidade a ideias e propostas relevantes produzidas no Brasil

 

De 9 a 12 de novembro, o Sebrae Minas participa do II Fórum do Amanhã, em Tiradentes. O evento vai reunir pensadores, criativos, empreendedores e jovens lideranças para pensar o futuro do Brasil e dar visibilidade a ideias e propostas que possam estimular novas ações da sociedade civil e influenciar políticas públicas. A inscrição deve ser feita no site www.doinlive.com/forumdoamanha ou no próprio local, sujeita à disponibilidade de vagas. O evento se propõe-se a dar visibilidade a ideias e projetos pioneiros em andamento, que apontam para o futuro, e a criar canais de comunicação entre eles. A abertura oficial ocorre no dia 9, às 19h, no salão da Pousada Brisa da Serra.

 

Neste ano, o Fórum do Amanhã pensará o Brasil a partir de suas virtudes, das qualidades que estão nas pessoas e nas inúmeras iniciativas que constituem núcleos de inteligência, sensibilidade, talento e otimismo e que podem guiar o ser humano em meio à desorientação dos tempos atuais. Um dos destaques da programação é o italiano Carlo Petrini, fundador do movimento Slow Food. Completam a programação nomes como Eduardo Giannetti, PhD em Economia pela Universidade de Cambridge e escritor com obras publicadas em vários idiomas; e Hans Donner, designer gráfico alemão, responsável pela atualização da identidade visual da TV Globo.

 

Durante o fórum, o Sebrae Minas vai promover discussões e capacitações em cursos, debates e oficinas. Os destaques são o curso Bootcamp – empreendedorismo em ação, que ocorre no dia 9, a partir das 9h; e o debate Inovação nas empresas,  no dia 11, às 16h30, com a presença do gerente regional do Sebrae Minas, na região da Zona da Mata e Vertentes, João Roberto Marques Lobo.

 

 

 

II Fórum do Amanhã em Tiradentes

Data: 9 a 12 de novembro de 2017

Local: Tiradentes – MG

Inscrições, informações e programação completa: www.doinlive.com/forumdoamanha

Juiz de Fora recebe Fomenta Minas e Rodada de Negócios

Ações do Sebrae Minas pretendem aproximar as micro e pequenas empresas dos grandes mercados das compras públicas

 

De 24 a 26 de outubro, Juiz de Fora recebe a Rodada de Negócios e o Fomenta Minas, encontros de oportunidades promovidos pelo Sebrae Minas e voltados para Micro e Pequenas Empresas (MPEs) da Zona da Mata e Vertentes. No Fomenta Minas, os empresários terão a oportunidade de fazer contato com compradores governamentais, grandes compradores da administração pública direta e indireta e empresas estatais. Já a Rodada de Negócios vai reunir grandes empresas privadas para negociar com as MPEs, tudo em um só espaço. As ações ocorrem no Gran Victory Hotel e as inscrições gratuitas devem ser feitas no site da Sympla.

 

O Fomenta Minas tem como principais objetivos: criar condições para a ampliação da participação das MPEs no volume de compras dos governos federal, estaduais e municipais e suas estatais; promover a capacitação das MPEs e dos gestores públicos para conhecimento sobre os principais instrumentos jurídicos e operacionais que propiciem seu acesso ao mercado das compras governamentais; disseminar boas práticas e fornecer subsídios técnicos e jurídicos que assegurem o tratamento diferenciados às microempresas e empresas de pequeno porte, previsto na Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas; divulgar amplamente os procedimento, especificações e exigências dos grandes compradores públicos, das esferas federal, estadual e municipal, para suas aquisições de bens, serviços e obras, focando nos setores com forte participação das MPEs, sobretudo pequenos negócios ligados aos setores e projetos coletivos prioritários do Sistema Sebrae; sensibilizar os grandes compradores públicos para a sua responsabilidade como indutores e promotores do desenvolvimento local; e aproximar  as micro e pequenas empresas dos grandes mercados das compras públicas, para que sejam estimuladas a fornecer para as instituições públicas, constituindo, assim, mais uma fonte de faturamento.

 

Entre os destaques, estão as palestras do comentarista político da Globo News e repórter especial de política do Jornal das Dez,  Gerson Camarotti; do âncora do Jornal da Band, na BandNews FM, e colunista da IstoÉ, Ricardo Boechat;  e do doutor em sociologia das relações internacionais e diplomata, Marcos Troyjo. O Fomenta também vai trazer nomes importantes como a professora, escritora e mestre em Gestão Social, Educação e Desenvolvimento Local, Maria Flávia Bastos; o ex-presidente do Sebrae Nacional e ex-ministro do Turismo, Luiz Barretto; o jornalista, consultor e palestrante em gestão pública, cultura e cultura cidadã, Jorge Melguizo; e o engenheiro e ex-prefeito de Maringá, Silvio Barros.

 

No dia 24, ocorre a Rodada de Negócios, a partir das 14h. Já no dia 25, também às 14h, acontece a abertura oficial do evento, com a palestra Perspectivas políticas do Brasil e os impactos nos negócios, com Gerson Camarotti. No mesmo dia, às 17h15, o conselheiro do programa O Aprendiz, Cláudio Forner, irá ministrar o painel Cidade Empreendedora. No dia 26, é a vez de Ricardo Boechat falar sobre Os desafios das organizações do século XXI, às 9h, e para encerrar o evento, às 19h, Marcos Trojyo irá ministrar a palestra A nova era do talento, economia em rede e inovação.

 

O Fomenta Minas conta ainda com diversas oficinas, palestras e painéis; além do Encontro do Tribunal de Contas do Estado, do Encontro Regional de Agentes de Desenvolvimento e doEspaço Sebrae Lab, ambiente dedicado à inovação e à criação, que terá como palestrante o gerente de produtos da Coinbr, Anderson Silveira, que irá discorrer sobre “Blockchain e criptomoedas: tecnologia e sua aplicação na modelagem de negócios”.

 

Rodada de Negócios e Fomenta Minas

Data: 24, 25 e 26 de outubro de 2017

Local: Gran Victory Hotel (Av. Presidente Itamar Franco, 3800, Cascatinha)

Informações: 0800 570 0800 / www.sebraemg.com.br

Inscrições: https://www.sympla.com.br/25-e-26-de-outubro—fomenta-minas-2017—regional-zona-da-mata-e-vertentes__197586

 

Este material foi produzido pela Agência Sebrae de Notícias e reproduzido pelo Núcleo de Comunicação do GDI-Mata. 

Desafio de Startuos do Ideais for Milk tem seu prazo de inscrições prorrogado

O prazo para as inscrições no Desafio de Startups do Ideas for Milk agora vai até 5 de novembro. O desafio consiste de uma competição entre empreendedores. Em comum, o interesse em gerar negócios lucrativos vinculados a novas startups ou startups em desenvolvimento, sempre com foco em soluções para aumentar a eficiência de um ou mais segmentos da cadeia produtiva do leite no Brasil.

Voltado para equipes com propostas inovadoras e startups constituidas, pretende alavancar a startup vencedora, reunir ideias, investidores e demandas do mercado lácteo, estimular a inovação e o empreendedorismo voltados ao agronegócio do leite e promover o uso aplicado de resultados de pesquisas agropecuárias

A outra novidade é o prêmio de R$ 20 mil que entra em cena para tornar a disputa ainda mais atrativa, ampliando, desde já, as suas perspectivas de crescimento. Para saber outras informações, acesse: http://www.ideasformilk.com.br/

VII Fórum de Desenvolvimento de Juiz de Fora, Zona da Mata e Vertentes pretende movimentar a região

O VII Fórum de Desenvolvimento de Juiz de Fora, Zona da Mata e Vertentes vai ocorrer entre os dias 5 e 6 de Outubro, no Gran Victory Hotel. Realizado pela Agência de Desenvolvimento de Juiz de Fora e Região (Adjfr) evento tem como objetivo a troca de informações e debate de ideias sobre o desenvolvimento sustentável, a fim de promover um avanço socioeconômico para a região da Zona da Mata e Vertentes.

Destinado à profissionais liberais e empresários de empresas públicas e privadas dos setores primário, secundário e terciário, instituições de ensino e sociedade em geral, trata-se de um encontro de negócios destinado a incentivar e promover o relacionamento entre profissionais, graduandos e empresários visando fortalecer as relações, ampliando as oportunidades de networking. Confira a programação no site: http://www.agenciajfr.com.br/forum/

 

aaaaa

Confira as Oportunidades de Chamadas Públicas de Editais

Confira abaixo algumas oportunidades e lembre-se sempre de se atentar aos prazos!

 

Chamada Pública FINEP e NRC-IRAP

Público Alvo:

Pequenas e médias empresas canadenses (PMEs) e Instituições de Pesquisa Científica e Tecnológica (ICTs) brasileiras associadas a Sociedades Empresárias Brasileiras, em consórcio.

Objetivo:

Apoio a projetos a serem executados de forma cooperativa , que utilizem o conhecimento científico e tecnológico para o desenvolvimento de produtos diagnósticos, de interesse para a saúde Humana.

Valores.

O volume total de recursos disponíveis para essa chamada corresponde a até R$ 2.000.000 (dois milhões de reais) da FINEP e até CAN $ 1.000.000 (hum milhão de dólares canadenses) do NRC-IRAP, por ano fiscal do governo canadense, na modalidade não reembolsável.

As empresas canadenses receberão do NRC-IRAP até 50% do total de recursos previstos para a execução da parte canadense do projeto. O suporte financeiro será limitado a CAN $ 600.000 (seiscentos mil dólares canadenses) por projeto.

Prazo para envio de propostas:

27/11/2017

Link:

http://www.finep.gov.br/chamadas-publicas/chamadapublica/610

 

Edital 2017-030 -ECOFORTE Redes

Público Alvo:

Agricultores familiares, assentados da reforma agrária, povos e comunidades tradicionais ou indígenas, bem como a suas organizações econômicas, tais como empreendimentos rurais, cooperativas e associações.

Objetivo:

Seleção e apoio a projetos territoriais de redes de agroecologia, extrativismo e produção orgânica, voltados à intensificação das práticas de manejo sustentável de produtos da sociobiodiversidade e de sistemas produtivos orgânicos e de base agroecológica.

Linhas Temáticas*:

Meio ambiente e Sustentabilidade, Inclusão produtiva

Valor Máximo por projeto

Categoria I – R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais).

Categoria II – R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais).

Prazo para envio de propostas:

02/10/2017

Os resultados de cada etapa da seleção serão divulgados na página eletrônica http://www.fbb.org.br/pt-br/menu/editais-e-licitacoes e publicados no Diário Oficial da União – DOU.

As instituições devem optar pelo edital e o regulamento, não serão aceitas inscrições nos dois certames simultaneamente.

Link:

https://fbb.org.br/pt-br/ecoforte2017

 

Edital 2017-031-ECOFORTE Redes

Público Alvo:

Agricultores familiares, assentados da reforma agrária, povos e comunidades tradicionais ou indígenas, bem como a suas organizações econômicas, tais como empreendimentos rurais, cooperativas e associações.

Objetivo:

Seleção e apoio a projetos para implantação e/ou melhoria de empreendimentos econômicos coletivos relacionados à produção de base agroecológica, extrativista e orgânica das redes de agroecologia, extrativismo e produção orgânica.

Linhas Temáticas*:

Meio ambiente e Sustentabilidade, Inclusão produtiva

Valor Máximo por projeto

R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais).

Prazo para envio de propostas:

02/10/2017

Os resultados de cada etapa da seleção serão divulgados na página eletrônica http://www.fbb.org.br/pt-br/menu/editais-e-licitacoes e publicados no Diário Oficial da União – DOU.

Estão impedidas de participar do processo seletivo objeto deste Regulamento redes que tenham submetido Proposta de projeto ao Edital nº 2017/030 – Redes ECOFORTE.

Link:

https://fbb.org.br/pt-br/ecoforte2017

 

Programa de Ajuda Direta ou Direct Aid Program (DAP) – Governo Australiano

O Programa de Ajuda Direta (DAP) é um programa flexível de pequenas doações financiado pelo Governo australiano e gerido pelas missões diplomáticas do Ministério das Relações Exteriores e Comércio da Austrália (DFAT)

Público Alvo:

Organizações não governamentais e sem fins lucrativos, Indivíduos, Grupos Comunitários e outras Entidades envolvidas em atividades de desenvolvimento no Brasil.

Objetivo:

O programa visa apoiar projetos com foco no desenvolvimento e que contribuam para o crescimento econômico sustentável e redução da pobreza.

Os projetos devem ser prioritariamente destinados a obter resultados práticos e tangíveis, com grande impacto no desenvolvimento das comunidades impactadas. O aporte financeiro do DAP está disponível pra atividades com foco em empoderamento econômico (novas alternativas para geração de renda), esporte e saúde, que favoreçam minorias e igualdade de gênero e reciclagem e resíduos.

Regiões prioritárias

Projetos das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Também serão aceitos projetos localizados em Belo Horizonte, Vitória, Rio de Janeiro, São Paulo, Campinas, Florianópolis, Curitiba e Porto Alegre.

Projetos localizados fora dessas regiões e cidades poderão ser eventualmente analisados pelo Comitê do DAP, mas, não serão aprovados em um primeiro momento.

(verificar no edital o que não é passível de aprovação)

Valor Máximo por projeto

R$ 130.000 (centro e trinta mil reais) ou 60.000 (sessenta mil) dólares australianos.

Prazo para envio de propostas:

09/10/2017

Link:

https://dap.smartygrants.com.au/Brasilia1718

https://dap.smartygrants.com.au/applicant/login?returnUrl=/Brasilia1718.